Pular para o conteúdo principal

Como não se tornar vítima de ofensas digitais

Carregando votos... 0 0
Compartilhe no Orkut!
Como não se tornar vítima de ofensas digitais

Você vai precisar de:
  • Atenção
  • Cuidado com as informações e fotos divulgadas

Nível de Dificuldade
Fácil
Publicidade
Passo a Passo imprimir
1

Exposição

Evite a exposição exagerada em sites de relacionamento. Quanto menos informações pessoais na rede, menor a possibilidade de utilização dessas informações de forma indevida.
2

Fotos

Outra boa dica é a postagem de fotos em baixíssima resolução, pois assim é possível minimizar a possibilidade de alteração e reprodução das imagens. E cuidado com as fotos que coloca nos sites. Lembre-se: elas poderão ser copiadas e modificadas. Opte por imagens que não tragam constrangimento posterior.
3

Segurança

Após a utilização da internet em computadores públicos, feche todas as telas navegadas e verifique se não foram salvas suas informações de login (de preferência, troque suas senhas após a utilização). Nunca acesse contas bancárias em computadores públicos.
4

Segredos

Evite tornar público desejos, segredos e sonhos. Isso evita que o cibercriminoso possa angariar informações íntimas (que somente você deveria saber).
5

Informações pessoais

Nunca disponibilize informações pessoais como endereço, telefone, nome da escola, trabalho, bairro, rua. Cuidado com as comunidades que participa, ser identificado como um membro de uma delas é sinal que você aderiu às suas normas. A participação em comunidades relacionadas com temas polêmicos, como pornografia infantil, drogas, violência e racismo, pode ser considerada crime de apologia ou incitação.
6

Controle-se

Lembre-se que tudo o que escreve poderá ser lido por todos e usado contra você. Está com raiva, conte até mil e lembre-se que a internet não é o local apropriado para desabafos.
7

Bate-papo

Evite utilizar salas de bate-papo e redes sociais para marcar encontros.
8

Amizade virtual

Utilize as ferramentas fornecidas pelas redes sociais para permitir que apenas pessoas conhecidas e já confirmadas possam acessar informações e imagens mais íntimas. A melhor forma para não se tornar vítima de crimes virtuais é a velha e boa prevenção.

Extraído do site: http://extraexplica.com.br/tecnologia/como-nao-se-tornar-vitima-de-ofensas-digitais/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Palavra de Especialista com Delegado Higor Jorge

Hoje, às 19:00, no programa de estreia "Palavra de Especialista", o diretor da ADPESP Rodrigo Lacordia recebe o delegado de Polícia, professor e palestrante Dr. Higor Vinícius Nogueira Jorge para um bate-papo sobre crimes cibernéticos, além de dicas e informações sobre direito e tecnologia. Assistam a entrevista em: https://youtu.be/p9FF98siWvg e também no Spotify.

Obra com comentários sobre mais de 70 leis criminais tem valor promocional para associados ADPESP - Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo

  A editora Juspodivm lançou a obra “Legislação Criminal Especial Comentada” elaborada por 24 delegados de polícia de todo o país, sendo 14 do estado de São Paulo. A coordenação é dos delegados Higor Vinicius Nogueira Jorge, de São Paulo, Joaquim Leitão Júnior, de Mato Grosso e William Garcez, do Rio Grande do Sul. O livro oferece comentários doutrinários e jurisprudenciais de forma objetiva, sobre mais de 70 leis criminais. Associados ADPESP podem comprar o lançamento com valor especial,  direto no site da editora Juspodivm. O cupom é válido até as 23:59 do dia 21 de maio . Para aproveitar o desconto, utilize o cupom ADPESP. A obra tem chamado a atenção do meio jurídico, sendo escrita pelos seguintes delegados e delegadas de polícia: – Antônio Flávio Rocha Freire – Bruno Fontenele Cabral – Everson Aparecido Contelli – Gabriela Madrid Aquino – Higor Vinicius Nogueira Jorge – Jakelline Costa Barros dos Santos – Joaquim Leitão Júnior – João Paulo Firpo Fontes – Joerberth Pinto Nunes – Kl

Lançamento de livros coordenados por Higor Jorge em São Paulo - Matéria do site da ADPESP

O restaurante da sede será palco do lançamento de três obras: “Manual de Educação Digital, cibercidadania e prevenção de crimes cibernéticos”, “Direito Penal sob a perspectiva da investigação criminal tecnológica”, do delegado Higor Jorge, e “Manual de investigação digital”, do delegado Guilherme Caselli. O evento acontece nesta quinta-feira, 12, de 12h às 15h, com a presença dos autores. Os associados ADPESP poderão adquirir as obras lançadas com valor promocional. Outros títulos Além das obras lançadas, também estarão disponíveis aos associados com valor promocional os livros “Manual de Interceptação Telefônica e Telemática”; “Fake News e Eleições – O Guia Definitivo”; “Enfrentamento da Corrupção e Investigação Criminal Tecnológica”; “Tratado de Investigação Criminal Tecnológica” e “Legislação Criminal Especial Comentada” . AUTORES: ANTÔNIO CARLOS CÂNDIDO ARAÚJO BRENO EDUARDO CAMPOS ALVES CAIO NOGUEIRA DOMINGUES DA FONSECA DÁRIO TACIANO DE FREITAS JÚNIOR DENIZE DOS SANTOS