sexta-feira, 6 de maio de 2011

Como não se tornar vítima de ofensas digitais

Carregando votos... 0 0
Compartilhe no Orkut!
Como não se tornar vítima de ofensas digitais

Você vai precisar de:
  • Atenção
  • Cuidado com as informações e fotos divulgadas

Nível de Dificuldade
Fácil
Publicidade
Passo a Passo imprimir
1

Exposição

Evite a exposição exagerada em sites de relacionamento. Quanto menos informações pessoais na rede, menor a possibilidade de utilização dessas informações de forma indevida.
2

Fotos

Outra boa dica é a postagem de fotos em baixíssima resolução, pois assim é possível minimizar a possibilidade de alteração e reprodução das imagens. E cuidado com as fotos que coloca nos sites. Lembre-se: elas poderão ser copiadas e modificadas. Opte por imagens que não tragam constrangimento posterior.
3

Segurança

Após a utilização da internet em computadores públicos, feche todas as telas navegadas e verifique se não foram salvas suas informações de login (de preferência, troque suas senhas após a utilização). Nunca acesse contas bancárias em computadores públicos.
4

Segredos

Evite tornar público desejos, segredos e sonhos. Isso evita que o cibercriminoso possa angariar informações íntimas (que somente você deveria saber).
5

Informações pessoais

Nunca disponibilize informações pessoais como endereço, telefone, nome da escola, trabalho, bairro, rua. Cuidado com as comunidades que participa, ser identificado como um membro de uma delas é sinal que você aderiu às suas normas. A participação em comunidades relacionadas com temas polêmicos, como pornografia infantil, drogas, violência e racismo, pode ser considerada crime de apologia ou incitação.
6

Controle-se

Lembre-se que tudo o que escreve poderá ser lido por todos e usado contra você. Está com raiva, conte até mil e lembre-se que a internet não é o local apropriado para desabafos.
7

Bate-papo

Evite utilizar salas de bate-papo e redes sociais para marcar encontros.
8

Amizade virtual

Utilize as ferramentas fornecidas pelas redes sociais para permitir que apenas pessoas conhecidas e já confirmadas possam acessar informações e imagens mais íntimas. A melhor forma para não se tornar vítima de crimes virtuais é a velha e boa prevenção.

Extraído do site: http://extraexplica.com.br/tecnologia/como-nao-se-tornar-vitima-de-ofensas-digitais/

Nenhum comentário:

Postar um comentário